Doze lugares para conhecer em Florianópolis além das praias!

Quem não quer se congelar nas águas geladas de Floripa pode se encantar nos passeios marcantes oferecidos pela deliciosa Ilha da Magia.

- Tempo de leitura: 8 minutos -

Paisagens lindíssimas, vibe positiva, estrutura de qualidade e gente hospitaleira que ama se exercitar na Avenida Beira Mar. Devido a tais qualidades, é raro ouvir alguém chegar de uma viagem a Florianópolis dizendo que não gostou! Floripa, a Ilha da Magia, é daquelas cidades que estimulam atividades ao ar livre para admirar o mar azul e a natureza vibrante. Por isso, é difícil eleger os melhores lugares para conhecer em Florianópolis

As praias de Florianópolis são, é claro, algumas das principais estrelas da região. E não é para menos! Afinal, são mais de 50 km de norte a sul, cada uma com suas características. Ao norte, o mar é calmo e de águas mais quentes, enquanto o leste tem ondas fortes e, no sul, a água é gelada. Nomes como Canasvieiras, Praia dos Ingleses e Jurerê fizeram sua própria fama, tendo hotéis albergues e pousadas por suas orlas. 

Não diferente, acontece com as Praias Brava, do Santinho, Daniela, do Forte e Lagoinha do Norte. Até inscrições rupestres os turistas encontram perambulando por algumas delas. Além da Ponte Hercílio Luz, cartão postal da cidade e sua magnífica iluminação noturna, quem não quer congelar nas águas frias da cidade podem optar pelos 12 lugares para conhecer em Florianópolis. Difícil vai ser voltar para casa sem se apaixonar!

Lugares Para Conhecer em Florianópolis/SC

1 Lagoa da Conceição

Lagoa da Conceição
Lagoa da Conceição

A Lagoa da Conceição é o destino perfeito para quem gosta de agito e badalação. São inúmeras possibilidades de lazer, incluindo o tradicional passeio de barco que permite visitar várias praias. A lagoa oferece, ainda, atrações como caiaque, stand up paddle, bares, restaurantes, lanchonetes e lojas.

Entre o centrinho e a Praia Mole, a Avenida das Rendeiras é famosa pelo artesanato de renda e pelos restaurantes que servem a sequência de camarões. Sem acesso rodoviário, é preciso tomar um barco ou encarar uma trilha para chegar na Costa da Lagoa. Para apreciar a lagoa em toda a sua dimensão, siga para os mirantes do Morro da Lagoa e do Ponto de Vista.

Lugares para conhecer em Florianópolis/SC: Mirante Ponto de Vista
Mirante Ponto de Vista

2 Santo Antônio de Lisboa

Santo Antônio de Lisboa
Santo Antônio de Lisboa

O charmoso bairro de Santo Antônio de Lisboa reflete os traços da colonização açoriana iniciada há dois séculos com sua arquitetura característica: as casinhas coloridas. Os apaixonados pelos frutos do mar encontram seu reduto por ali, além de pescar e curtir passeios mais intimistas. Seus restaurantes são uma boa pedida para quem gosta de frutos do mar. O distrito de colonização açoriana fica entre o Centro e as praias do norte.

3 Dunas da Praia de Joaquina

Dunas da Praia de Joaquina
Dunas da Joaquina

As Dunas da Joaquina são formações localizadas na Praia da Joaquina e as mais conhecidas do Sul brasileiro. Ideais para a prática de esportes como o sandboard, têm  a vantagem de estar próximas à boa infraestrutura de lazer e hospedagem da praia de mesmo nome.

4 Ilha do Campeche

Ilha do Campeche
Ilha do Campeche

A Ilha do Campeche é a tradução do paraíso ao emoldurar águas cristalinas (a visibilidade da água ultrapassa dez metros de profundidade) pela areia branca finíssima, dando a impressão de chegar ao Caribe. Diferente da Lagoa da Conceição, é a parada ideal para quem quer distância do agito e sentir de perto a energia da natureza. Outras atrações imperdíveis são as trilhas e sítios arqueológicos preservados no local. 

Tanto que a ilha é a única tombada pelo Patrimônio Arqueológico e Paisagístico Nacional no Brasil. Para chegar até lá, é necessário pegar um barco a partir da Praia da Armação, em um trajeto que cerca de 30 minutos. Ainda, é permitida a visitação de até 770 pessoas por dia de dezembro a fevereiro, entre às 9h e 17h. Entre julho e agosto, dá para avistar baleias-francas no local.


Interessado em visitar a Ilha do Campeche? Saiba como chegar: Como ir para a Ilha do Campeche, em Florianópolis?


5 Lagoa do Peri

Lagoa do Peri
Lagoa do Peri

 

A Lagoa do Peri merece uma visita por proporcionar vista espetacular de Florianópolis. A lagoa fica próxima ao Morro das Pedras e à Praia da Armação com área de aproximadamente 5 km². As águas claras são propícias para o banho e pesca, atividades que caminham juntas com passeios de barco e caiaque. 

Com mais de 11m de profundidade, tem ao seu redor um parque com bar, lanchonete, mesas para piquenique, churrasqueiras, estacionamento e brinquedos infantis. Abraçada pela Mata Atlântica, é um programão para famílias com crianças. Abre diariamente, das 7h às 19h.

6 Centro Histórico de Florianópolis

Centro Histórico de Florianópolis
Museu Histórico de Santa Catarina/Palácio Cruz e Souza

 

A região da Praça XV de Novembro abrange o Centro Histórico, região que guarda estruturas arquitetônicas preservadas por lei. Isso inclui as principais ruas, a Catedral Metropolitana e o Palácio Cruz e Souza. A praça ainda tem pavimentação em mosaico com motivos do folclore ilhéu, além de monumentos que homenageiam heróis de guerra e a Figueira Centenária, cuja lenda afirma que, quanto mais voltas você der nela, mais riqueza e sorte terá. 

Lugares para conhecer em Florianópolis/SC: Figueira Centenária
Figueira Centenária

O Mercado Público é um edifício histórico que abriga um espaço de comércio e convivência com lojas de alimentos, utensílios, roupas e artesanato. É tradicional ponto de encontro para moradores e turistas, especialmente nos famosos BOX32 e Trapiche Bar. O Centro Histórico abriga pontos como o Museu Histórico de Santa Catarina, o Museu Victor Meirelles e Casa da Alfândega.

7 Centro Integrado de Cultura

Centro Integrado de Cultura
Centro Integrado de Cultura

 

Se você é daqueles que gosta de viajar e imergir na cultura do local, o Centro Integrado de Cultura é ponto de parada obrigatório! O complexo cultural é integrado por teatro, museus, cinema, artesanato e oficinas que reúnem as melhores manifestações artísticas de Floripa. Confira a programação no site para se atualizar das atividades que acontecem no centro durante sua viagem!

8 Mirantes

Mirantes
Mirante Morro da Cruz

 

Ao todo, Florianópolis tem cinco mirantes (Morro da Cruz, da Lagoa, Ponto de Vista, Morro das Pedras, Praia Brava) que dão as melhores vistas da cidade. Os Mirantes do Morro da Lagoa e Ponto de Vista são os mais visitados, sendo a estrutura do segundo a melhor para receber turistas. Lá, eles encontram boas lojas, café, restaurante e estacionamento. Do Mirante do Morro da Lagoa, se tem a primeira vista da Lagoa da Conceição, além das dunas da Joaquina e da Praia Mole.

9 Projeto Tamar

Projeto Tamar
Projeto Tamar

 

O Projeto Tamar foi criado para preservar as tartarugas marinhas e conscientizar sobre a importância da preservação ambiental. É a sede do projeto presente em todo o litoral brasileiro e a única do Sul do Brasil.

Durante a visita, biólogos explicam sobre a postura de ovos, nascimento, soltura e alimentação das tartarugas marinhas. Nos fins de semana, há a hora do banho, em que a criançada pode tocar nos cascos dos animais e, diariamente às 15h30, o momento da alimentação, quando os visitantes colocam a comida na boca dos bichinhos. O Projeto Tamar abre todos os dias das 09:30 às 17:30.

10 Museu de Arqueologia Costão do Santinho

Museu de Arqueologia Costão do Santinho
Pinturas rupestres no Museu de Arqueologia Costão do Santinho

 

O Museu de arqueologia é uma estrutura ao ar livre com vista para o mar e tem, como principal atração, as inscrições rupestres registrada em seus paredões. Ademais, há materiais compostos por artefatos esculpidos em pedra. Por isso, o museu recebe cerca de 60 mil visitantes por ano que percorrem uma trilha ecológica para chegar até lá.  Se sobrar disposição, compensa uma ida até o Pico do Morro da Aranha, de onde a vista é maravilhosa.

11 Ribeirão da Ilha

Ribeirão da Ilha
Construções com arquitetura história na vila de Ribeirão da Ilha

 

Assim como o bairro de Santo Antônio de Lisboa, a vila de Ribeirão da Ilha preserva as casinhas coloridas e geminadas herdadas dos açorianos. É como se o visitante empregasse uma viagem no tempo! Por isso, ambas são muito procuradas por cineastas brasileiros para filmagens cinematográficas. Além das fachadas originais e bons restaurantes, Ribeirão tem  as ostras como especialidade. O distrito, na parte sul da cidade, é o principal produtor da ilha.

12 Ponte Hercílio Luz

Ponte Hercílio Luz
Ponte Hercílio Luz

 

Falamos da Ponte Hercílio Luz no início do texto, mas o cartão postal da cidade merece maior destaque. Inaugurada em 1926, é a maior ponte-pênsil brasileira e tem 821 metros. Há muito tempo, não recebe carros e pedestres, mas segue como uma das atrações mais visitadas da cidade. O mirante do final da Avenida Adolfo Konder permite curtir a imponente construção e é um verdadeiro show ver a ponte iluminada durante à noite.

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Assumimos que você está de acordo, mas você pode não aceitar caso prefira. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->