Como ir de Lisboa a Sintra?

Saiba quais são as opções de transporte entre as duas cidades portuguesas para um bate e volta ou um pernoite na cidade histórica colada à capital.

- Tempo de leitura: 4 minutos -

Portugal está entre os destinos mais procurados por brasileiros, especialmente para quem vai à Europa pela primeira vez. O ponto de chegada, invariavelmente, é a capital do país, Lisboa, repleta de atrações turísticas imperdíveis. Mas, bem pertinho dali, está uma cidade histórica encantadora – Sintra, um recanto localizado a apenas 25km do point lisboeta. 

Palácio da Pena, na cidade de Sintra, Portugal
Palácio da Pena, na cidade de Sintra, Portugal

Saiba, a partir de agora, como ir de Lisboa a Sintra, com dicas e informações quentinhas! 

Em primeiro lugar, onde fica Sintra? A simpática vila portuguesa está na área metropolitana de Lisboa, integrando sua parte norte. O município com cerca de 382 mil habitantes está dividido em 11 freguesias. Situada em plena encosta de montanha, a cidadezinha tem vários palácios construídos pela burguesia do século XVIII. Por isso, era quase um imã para nomes conhecidos, como Eça de Queiroz e Lorde Byron. 

Como ir de Lisboa a Sintra?

Lisboa e Sintra estão separadas por 25km cruzados sem nenhum segredo. Ah, então, posso locar um carro na capital e passar o dia na vila? Poder, pode, mas não é nada recomendável, pois as estradas são confusas e o trânsito bastante pesado. Afinal, muitos portugueses fazem o trajeto diariamente para ir ao trabalho. Ademais, as ruas de Sintra são estreitas e há poucas vagas para estacionamento. 

A mesma dificuldade pode ser encontrada nas linhas de ônibus, ou autocarros, pois a opção é ainda mais confusa e exige troca de linhas. Certo, mas e aí, como ir de Lisboa a Sintra? Vejamos detalhes de cada opção a seguir. 

Como ir de Lisboa a Sintra de trem?

A melhor opção, sem sombra de dúvidas, é sair de Lisboa a Sintra de trem, ou comboios, como dizem os portugueses. Os trens saem da estação do Rossio, no centro turístico da capital, a cada 20 minutos. Se não estiver hospedado no centro, a estação é ligada à linha verde do metrô. Também é possível optar pelas estações ferroviárias de Roma/Areeiro, Jardim Zoológico/Sete Rios e Oriente para, depois, pular no trem para Sintra. 

A opção Rossio-Sintra é a mais comum entre os turistas, pois a maior parte deles se hospeda nos populares distritos do Chiado, Alfama e Baixa. A linha Oriente-Sintra, por sua vez, é mais usada por quem sai do Aeroporto, das estações Sete Rios ou Oriente. Vale frisar que esta é a principal estação ferroviária intermunicipal de Lisboa. O trajeto é operado pela Comboios de Portugal (CP), empresa nacional de trem. 

Como já falamos, o trajeto entre as duas cidades é feito diariamente pelos moradores, logo, o ideal é chegar mais cedo a fim de evitar filas. O bilhete custa 2,25 euros por trecho e dá para comprar ida e volta na estação. A tarifa é cobrada no Lisboa Viva, bilhete reutilizável de transporte público. Também é possível usar o Cartão Viva Viagem, aquele que o turista usa no transporte público lisboeta. 

Cartão Lisboa Viva e Viva Viagem
Cartão Lisboa Viva (para usuários frequentes do transporte público) e Viva Viagem (ideal para turistas, que usam ocasionalmente)

A viagem dura de 45 a 50 minutos e não é possível marcar assentos. E como evitar perder a parada? Não se preocupe, pois a estação é o ponto final do trem. Mas, atenção! Não desça na Estação Portela de Sintra, pois fica antes da cidade, ok? Bom, voltando à viagem, a estação de Sintra está a 1,5km do Centro Histórico, onde está concentrada a maior parte das principais atrações turísticas. 

Dá para chegar até lá a pé ou pelo serviço de ônibus (a linha do Autocarro 434 passa pelo Centro Histórico, o Palácio de Pena e Castelo dos Mouros”. O circuito todo custa 6 euros e usar o ônibus para chegar lá é uma excelente ideia, tendo em vista a subida íngreme de 2km até o Palácio de Pena, por exemplo. E para voltar? A mesma linha (Autocarro 434) deixa o passageiro na estação de Sintra. 

Sobre as estações

  • Estação do Rossio: localizada no centro do distrito de Baixa, em Lisboa, e ligada à linha verde do metrô. Nos horários de pico, pode ficar bem movimentada com longas filas
  • Estação do Oriente: localizada no distrito do Parque das Nações, em Lisboa, é parte de uma grande alternância de transportes. Nela, está uma importante estação de ônibus e outra de metrô. Ao lado, fica o shopping Vasco da Gama 
  • Estação Ferroviária de Sintra: parada final distante 1,5km do centro histórico de Sintra. O turista pode desembarcar e dar de cara com vários vendedores de excursões guiadas pela cidade. 

Para checar os horários dos trens desde Lisboa, basta clicar aqui. Quanto ao ônibus interno (434), o trajeto feito é o seguinte:

Trajeto do Ônibus 434, em Sintra
Trajeto do Ônibus 434, em Sintra

Os horários durante o verão e inverno são diferenciados, e podem ser consultados no site da Scotturb, clicando aqui.

Como ir de Lisboa a Sintra de carro?

Não é a opção mais recomendável, com exceção daqueles que começam um itinerário pelo interior do país ou combinam Sintra e Cascais. Mesmo assim, o recomendável é deixar o carro no estacionamento do hotel (até porque não há muitos pela cidade) e usar as linhas locais de ônibus.

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Se você continuar a usar este site, assumiremos que você está de acordo com isso. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->