Custo de vida em Ribeirão Preto – quanto custa viver na cidade?

Município é referência no turismo de negócios, além de configurar como uma das mais regiões mais ricas do estado de São Paulo.

- Tempo de leitura: 3 minutos -

Ribeirão Preto é considerada a capital do agronegócio paulista e uma das cidades mais ricas do estado. A nona cidade mais populosa do Brasil apresenta elevado padrão de vida em bem-estar, até mesmo por apresentar o 11º maior Produto Interno Bruto (PIB) de São Paulo e o 23º do país. Diante de tanto crescimento, o município atrai estudantes e profissionais de diversas áreas. Mas, qual é o custo de vida em Ribeirão Preto?

A cidade tem excelentes índices tanto em bens de consumo quanto geração emprego. Consequentemente, vive-se bem em Ribeirão Preto, que também tem localização estratégica para a comunicação e transporte. A vocação econômica inicialmente cafeeira foi abrindo espaço para o agronegócio. Logo, proliferaram produtores rurais, empresas, organizações e investidores que trouxeram oportunidades para a região.

Ribeirão concentra escolas, universidades, amplo comércio e empresas de diversos segmentos, tornando-se atrativa para quem quer construir sólido futuro profissional. Empreendedores encontram bom espaço na cidade, região em potencial para a abertura de empresas no setor de serviços, como a criação de aplicativos e produtos para a internet. Assim, vale a pena saber quanto custa morar em Ribeirão Preto

O que é o custo de vida?

O custo de vida, de modo geral, é a soma de todas as despesas do indivíduo, isto é, bens e serviços considerados indispensáveis em suas demandas. Por isso, calcular o custo de vida de uma pessoa não é tão simples, tendo em vista que o conceito varia conforme a situação. Pensando exclusivamente na comparação entre cidades, dá para mensurar o custo de vida a partir de fatores, como aluguel, mensalidades escolares, cesta básica, transporte, etc

Alguns sites especializados até listam comparações entre as principais cidades brasileiras, traçando perfis, como:

  • custo de vida em São Paulo é 38% mais alto do que em Belo Horizonte;
  • custo de vida em Salvador é 6% menor que em Belo Horizonte;
  • viver no Distrito Federal é 1,5% mais barato do que em São Paulo;
  • o Rio de Janeiro é 28% mais caro do que Ribeirão Preto

Qual é o custo de vida em Ribeirão Preto?

Apesar de ser uma cidade com crescimento pujante, Ribeirão Preto não apresenta alto custo de vida. Para se ter uma ideia, viver lá é cerca de 39,3% mais barato do que na capital paulista. Os preços praticados pelo comércio local não são tão distante das grandes cidades brasileiras e os imóveis são relativamente baratos se comparado a essas cidades. Por isso, Ribeirão ocupa o 36º entre os municípios mais caros do país, segundo o site Custo de Vida

Não há forma mais sólida de pensar no custo de vida de uma cidade que listar os preços dos serviços básicos. Veja:

Moradia

  • aluguel de kitnet mobiliada: R$ 850,00 por mês
  • preço médio das contas básicas para uma pessoa (eletricidade, gás, água): R$ 200,00 por mês
  • internet: R$ 86,00 por mês

Transporte

  • bilhete de ônibus: R$ 4,20 
  • tarifa do táxi: R$ 9,00 (básica)
  • gasolina (litro): R$ 4,38 

Alimentação

  • refeição em restaurante econômico: R$ 20,00 
  • leite (litro): R$ 2,87
  • carne (kg): R$ 29,33
  • batatas (kg): R$ 2,75

E quanto é o salário médio em Ribeirão Preto? Segundo o Ministério do Trabalho, em dados calculados em meados de 2019, a média salarial das dez funções com maior número de admissões foi de R$ 1.235,29. Entre os cargos com mais contratações, estão Assistente Administrativo, Auxiliar de Escritório, Motorista, Almoxarife, Servente de Obras, Recepcionista, Auxiliar de Desenvolvimento Infantil e Vendedor do Comércio Atacadista.

No primeiro trimestre de 2019, o maior salário de contratação registrado foi para Diretor de Produção e Operações de Alimentação – R$ 51.571, 00.

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Se você continuar a usar este site, assumiremos que você está de acordo com isso. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->