Curiosidades sobre a Região Nordeste que mostram sua riqueza

Uma região tão rica quanto o Nordeste acumula tradições, culturas e fatos únicos nos seus nove estados.

- Tempo de leitura: 6 minutos -

Os encantos e riqueza da Região Nordeste não são novidade para ninguém, não é mesmo? Um dos destinos mais populares tanto para brasileiros quanto estrangeiros, guarda paisagens naturais inesquecíveis, extenso litoral e roteiros imperdíveis pelo interior. Com tantos atributos, as curiosidades sobre a Região Nordeste mostram o quanto essa terra é única em suas características e tradições. 

A região Nordeste é composta por nove estados e tem área estimada de 1.558.000 km². Gigante, não é mesmo? Tanto que a extensão territorial equivale à Mongólia! 

Tamanha grandeza também se mostra nas riquezas e tradições, uma vez que sua população diversa conserva legados indígenas, africanos, europeus e sertanejos. E, falando nisso, o Nordeste tem, nada menos, que 53 milhões de habitantes, ou seja, 25% da população brasileira

Responsável por 13% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, o Nordeste tem vegetação diversificada, festas efervescentes que marcam o calendário de eventos do país, culinária sem igual e um povo pra lá de arretado! 

Confira, a seguir, curiosidades sobre a Região Nordeste que comprovam o quanto essa região é única!

Curiosidades sobre a Região Nordeste

1 O Nordeste é a região com mais estados no país

A Região Nordeste é composta por nove estados (Alagoas, Ceará, Bahia, Paraíba, Maranhão, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe), o maior número entre as regiões brasileiras. 

Como não poderia deixar de ser, também se divide em quatro sub-regiões, em virtude das variações encontradas em seu território. Por isso, fala-se nas regiões do meio-norte, sertão, agreste e zona da mata. 

2 A Bahia é o maior estado da região Nordeste

O maior estado da região é a Bahia, cujo formato lembra o próprio mapa do Brasil! Tamanha extensão territorial faz com que o estado faça divisa com mais oito – Alagoas, Sergipe, Pernambuco, Piauí, Minas Gerais, Espírito Santo, Goiás e Tocantins. Como resultado, temos uma cultura riquíssima e influenciada por todos eles.

3 O Nordeste já sediou a capital federal do país

Ainda no quesito capitais, Salvador foi a primeira capital federal do Brasil, entre 1549 e 1763. No ano de 1763 a cidade do Rio de Janeiro assumiu o posto.

4 A maior produção de cacau do Brasil vem da Bahia

Além de ter o maior número de fronteiras estaduais, a Bahia também é responsável por 95% da produção de cacau do Brasil!

5 O Nordeste tem a capital estadual mais antiga do Brasil

Recife, capital de Pernambuco, foi fundada em 1537 sendo, então, a capital de estado mais antiga do Brasil. E não é a única a sustentar títulos exclusivos, como mostra o próximo item da nossa lista!

6 João Pessoa é a cidade onde o sol nasce primeiro no país

João Pessoa, capital da Paraíba, é a cidade onde o sol nasce primeiro, por sediar a Ponta do Seixas, ponto mais oriental da América. Por isso, é conhecida como Porta do Sol. Ainda, Teresina, no Piauí, é a única capital nordestina que não fica no litoral. 

7 O litoral maranhense é praticamente intocado

O Maranhão tem a maior quantidade de ilhas do litoral brasileiro, inclusive sua capital, São Luís. Somado a isso, o estado guarda a maior reserva de manguezais do Brasil, além de se destacar pela quantidade de baías, penínsulas, estuários e arquipélagos em seu território. 

E quer saber? A maior parte de seu litoral é praticamente intocada, o que significa ainda haver pontos selvagens e bem preservados!

8 Campina Grande é conhecida como o Vale do Silício Brasileiro

A cidade de Campina Grande, na Paraíba, foi a única cidade da América Latina listada, pela revista NewsWeek, entre aquelas que apresentavam novo modelo de Centro Tecnológico. A publicação foi feita em 2001. Dois anos depois, a revista voltou a mencionar a cidade paraibana pelas pesquisas relacionadas ao algodão colorido tecnologicamente correto. 

9 O maior parque tecnológico do Brasil fica em Recife

Campina Grande, porém, não é a única que se destaca na área tecnológica. Recife concentra, atualmente, o parque tecnológico Porto Digital, o maior do Brasil. Localizado no centro histórico, reúne empresas do porte da IBM, Microsoft, HP, Samsung e Fiat-Chrysler, além de mais de 240 startups do setor tecnológico.

10 Campina Grande sedia anualmente o maior São João do Mundo

Aproveitando que estamos falando de Campina Grande, não podemos deixar de mencionar os festejos do São João de Campina Grande, conhecido como o Maior São João do Mundo. Todos os anos, a festa atrai mais de 2 milhões de visitantes.

11 As rochas mais antigas do Brasil estão no Rio Grande do Norte

A 100 km de Natal, capital do Rio Grande do Norte, fica o município de Serra Caiada. Cercada por belezas naturais, a cidade também é o lar das rochas mais antigas do Brasil. Sendo assim, atrai turistas tanto em busca do litoral paradisíaco quanto das históricas formações geológicas. 

12 O Piauí tem a mais importante área de preservação arqueológica do Brasil

O Parque Nacional da Serra da Capivara, no Piauí, concentra impressionantes sítios arqueológicos com pinturas rupestres e outros sinais que indicam a passagem do homem primitivo pela região. 

Na cidade paraibana de Souza, encontra-se outro importante sítio arqueológico que apresenta, inclusive, alta incidência de pegadas de dinossauros. Até agora, foram catalogadas as pegadas de mais de 80 espécies dos enormes animais.

13 O maior cajueiro do mundo fica no Nordeste

O cajueiro de Pirangi, na região metropolitana de Natal, tem 8.500 metros quadrados de copa, o que lhe conferiu o título de maior cajueiro do mundo pelo Guiness Book. Seu tamanho equivale a 70 cajueiros e produz de 60 mil a 80 mil cajus por safra. Porém, o título é questionado pelo Cajueiro Rei, no Piauí, cuja medição traz 300 metros quadrados a mais que o potiguar.

14 A cajuína é um símbolo e patrimônio cultural do Piauí

A cajuína é uma bebida sem álcool produzida a partir do caju. Preparada de forma bem artesanal, tornou-se símbolo cultural do Nordeste, mais especificamente do Piauí, ao promover um resgate histórico da região. 

Por isso, empreendedores e associados da Cajuespi solicitaram o título de patrimônio cultural piauiense ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, Iphan, o qual foi concedido no ano de 2015

15 O Nordeste concentra extensa lista de patrimônios

Com séculos de história e cultura, a região Nordeste concentra importante patrimônio histórico, desde fortes coloniais a igrejas barrocas. Muitos deles foram reconhecidos como Patrimônios Culturais da Humanidade pela Unesco, por exemplo: centros históricos de Salvador, Olinda e São Luiz; Praça de São Francisco em São Cristóvão. 

As curiosidades da Região Nordeste comprovam sua riqueza e o legado cultural de extrema importância para o Brasil! Continue navegando pelo nosso site e confira mais informações e destinos nordestinos!

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.