Saiba quais são os principais animais que vivem no manguezal

Os mangues compõem um ecossistema de extrema importância e é considerado o berçário da vida.

- Tempo de leitura: 5 minutos -

O manguezal, ou mangue, é um tipo de bioma de transição que fica entre os ambientes terrestre e marinho. Associado a locais onde há o encontro das águas doce e do mar, o ecossistema tem extrema importância biológica e econômica. Conhecido como berçário da vida, é responsável pela reprodução de inúmeras espécies, entre mamíferos, crustáceos, peixes e aves. Assim, saiba quais são os principais animais que vivem no manguezal.

Antes de falarmos sobre a fauna, é importante saber exatamente o que é um manguezal. Os manguezais, como já falado, são ecossistemas costeiros presentes principalmente nas zonas tropicais e subtropicais. Sua fisionomia natural varia conforme a ação das marés, mas basicamente, possui três espécies, sendo elas os mangues vermelho, seriba e branco. De modo geral, sua vegetação é composta por árvores e arbustos. 

Espécie mangue-vermelho
Espécie mangue-vermelho

Além disso, o solo dos mangues é rico em  nutrientes, graças às trocas entre as águas doces e salgadas. Ainda, são dotados de canais que permitem a navegação, favorecendo a atividade pesqueira. Os mangues são responsáveis pela reprodução de inúmeras espécies, um dos principais pontos de seu papel fundamental na natureza. 

Conheça, a seguir, quais são os principais animais que vivem no manguezal.  

Qual a importância do manguezal?

A importância dos mangues tem caráter tanto biológico quanto econômico. Além de abrigar espécies marinhas, terrestres e de água doce, amortecem o impacto das marés. Também, evitam o assoreamento ao conter os sedimentos trazidos pelos rios. Ademais, sua produtividade sustenta famílias ribeirinhas que sobrevivem, por exemplo, da pesca e captura de crustáceos. 

Os manguezais também têm ação controladora do efeito estufa, pois retiram o óxido de carbono da atmosfera.    

Onde encontramos o manguezal?

O manguezal pode ser encontrado em várias partes do litoral brasileiro. O Brasil é dono da maior faixa de manguezal de todo o planeta. São cerca de 20 mil km² desde o Cabo Orange, no Amapá, até Laguna, em Santa Catarina. A maior extensão está no estado do Maranhão (36%), seguido do Pará (28%) e Amapá (16%). O norte do país é a região na qual existe a maior porção contínua de manguezais sob proteção legal em todo o mundo.

Porém, esse bioma também pode ser encontrado em outros continentes, como Oceania, África, Ásia e em países da América.   

Animais que vivem no manguezal 

O manguezal é chamado de berçário da vida, tanto pela reprodução de inúmeras espécies quanto por servir de alimento para muitas delas. Boa parte dos animais que nascem ali vivem para sempre nos mangues, enquanto outros passam apenas parte de sua vida no bioma. Os principais habitantes dos mangues são os peixes, moluscos e crustáceos, entretanto, o ambiente também abriga répteis, mamíferos e criaturas microscópicas.  

Mesmo porque abrigam organismos jovens em suas primeiras etapas de desenvolvimento, pois possuem solo produtivo, movimento hídrico suave e vegetação apropriada. Os camarões estão entre as espécies que migram do oceano, permanecem desde o nascimento até o amadurecimento para, em seguida, retornar ao mar. Isso acontece quando passam de larvas para camarões jovens.   

Há também espécies que vão para os mangues somente para se reproduzir. É o caso das sardinhas, garoupas e tainhas. Já répteis, anfíbios e alguns mamíferos, como a lontra, buscam o manguezal para refúgio, reprodução e fonte de alimento. As aves, por sua vez, encontram nos mangues um local de reprodução, alimentação e descanso, especialmente as migratórias.   

Os animais que vivem permanentemente no mangue acabam desenvolvendo habilidades adaptativas, haja visto que há variações diárias do ecossistema. Por exemplo, os caranguejos, enterram-se em galerias escavadas no solo durante a maré baixa. Quando a maré sobe, os crustáceos sobem nos troncos e raízes das árvores. 

Espécies mais comuns

Confira, a seguir, as espécies mais comuns nos mangues.   

➜ Camarão

Animais que vivem no Manguezal: Camarão
Camarão (Хомелка, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons)

➜ Caranguejo-uçá

Animais que vivem no Manguezal: Caranguejo-uçá
Caranguejo-uçá Pancrat, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

➜ Caranguejo Uca

Animais que vivem no Manguezal: Uca
Uca

 

➜ Aratu  

Animais que vivem no Manguezal: Aratu
Aratu (Jair Cedraz, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons)

➜ Sururu

Animais que vivem no Manguezal: Corda de sururus
Corda de sururus

➜ Macaco-prego

Animais que vivem no Manguezal: Macaco-prego
Macaco-prego

 

➜ Robalo

Animais que vivem no Manguezal: Robalo
Robalo

➜ Vôngole

Animais que vivem no Manguezal: Vôngole
Vôngole

➜ Ostras

Animais que vivem no Manguezal: Ostras
Ostras

➜ Gaivota

Animais que vivem no Manguezal: Gaivota
Gaivota

➜ Garça

Animais que vivem no Manguezal: Garça 
Garça

➜ Guará

Animais que vivem no Manguezal: Guará
Guará (Renato Augusto Martins, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons))

➜ Colhereiro

Animais que vivem no Manguezal: Colhereiro
Colhereiro

➜ Martim Pescador

Animais que vivem no Manguezal: Martim Pescador
Martim Pescador (Grazieli Derlam, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons)

➜ Flamingo 

Animais que vivem no Manguezal: Flamingo
Flamingo (Valdiney Pimenta, CC BY 2.0, via Wikimedia Commons)

➜ Jacaré

Animais que vivem no Manguezal: Jacaré
Jacaré (Angelica Barcheta, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons)

➜ Savacu-de-coroa

Animais que vivem no Manguezal: Savacu-de-coroa-preta
Savacu-de-cora-preta

➜ Siri 

Animais que vivem no Manguezal: Siri
Siri

➜ Capivara 

Animais que vivem no Manguezal: Capivara
Capivara

➜ Teiú 

Animais que vivem no Manguezal: Lagarto Teiú
Lagarto Teiú

➜ Caninana

Animais que vivem no Manguezal: Caninana
Caninana (Leandro Avelar, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons)

Viu só como é rica a fauna dos mangues e quantos animais vivem no manguezal? Entretanto, esse ecossistema é seriamente ameaçado de extinção em razão da ação predatória do homem. Apesar de servir de berçário e fonte de alimentação para populações ribeirinhas, o bioma é ameaçado pela exploração turística das regiões costeiras. Por isso, é necessário haver intervenção para proteger esse tão importante ecossistema. 

Você pode gostar também
1 comentário
  1. lavinia Diz

    adorei me ajudo muito no trabalho de escola

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Se você continuar a usar este site, assumiremos que você está de acordo com isso. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->