Como tirar o visto americano: Veja o passo a passo

Veja detalhes sobre formulários a serem preenchidos, como marcar as entrevistas e quais documentos levar.

0

Se você pretende viajar para os Estados Unidos, ou já viajou, certamente uma das primeiras coisas que ouviu falar foi sobre o visto. Isso porque, brasileiros e indivíduos de muitas outras nacionalidades precisam do documento para viajar para o país.

Existem vários tipos de visto, então, a primeira coisa é verificar em qual categoria seu visto vai se encaixar. Para turistas, o visto comum é o B-2. Veja as demais categorias no site da Embaixada e Consulados dos EUA no Brasil clicando aqui.

O novo sistema de emissão de vistos para os Estados Unidos entrou em vigor em 2012. Para tirar todas as dúvidas sobre o processo, confira o passo a passo para tirar o visto americano.

1- Preenchimento do Formulário

O primeiro passo é preencher, em inglês, o formulário de solicitação de visto DS-160, disponível aqui.

Na hora de preencher é importante ficar atento. As informações fornecidas devem ser precisas e atualizadas, qualquer contradição nos dados pode levar o processo à estaca zero.

Todas as perguntas são feitas em inglês, mas, se não for fluente no idioma, basta colocar o cursor em cima da pergunta para ver a tradução em português.

Uma dica importante é, ao fim de cada página, salvar o que já tiver sido feito e guardar o número do “Application ID”. O mesmo será necessário caso precise entrar novamente no formulário.

Ao terminar o processo, imprima a página de confirmação.

2- Pagamento

Para vistos de visitantes que não exigem petição, como é o caso do B2, a taxa de solicitação (MRV) custa U$160. Para valores das demais categorias, acesse esta página.

O pagamento da taxa pode ser feito com cartão de crédito através do site de agendamento ou por telefone. Quem deseja efetuar o pagamento em dinheiro pode fazê-lo em qualquer agência do Citibank ou por meio de boleto bancário.

Vale lembrar que com o novo sistema essa é a única taxa a ser paga. Não há mais cobrança separada para agendamento ou envio do passaporte.

3- Agendamento da entrevista

Depois de esperar a confirmação do pagamento, que leva cerca de dois dias úteis, começa a etapa de agendamento da entrevista. Para isso é necessário ter em mãos o número identificado como “nosso número” do boleto do DS-160 e o recibo de pagamento da taxa. Além disso, também é fundamental ter o número do passaporte.

O agendamento deve ser feito pelo site http://brazil.usvisa-info.com ou pelo call center. Importante ressaltar que antes de agendar a entrevista é necessário se cadastrar no site, incluindo dados pessoais e escolher a forma de entrega do passaporte. O tempo de espera para realização da entrevista depende do local escolhido.

Depois da confirmação do pagamento e de posse do “nosso número” é possível agendar a data da entrevista no consulado e, em seguida a data para coleta de foto e impressões digitais nos Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV). Vale destacar que a coleta de dados é feita antes da entrevista.

4- Coleta de dados no CASV

Como já mencionado, agendada a entrevista, o próximo passo consiste em comparecer ao CASV para a coleta de dados biométricos, ou seja, impressões digitais e fotos. O passo é essencial para complementar a solicitação do visto. É imprescindível levar passaporte válido e a página de confirmação do DS-160.

Quem tem até 15 e mais de 66 anos não precisa passar pelo procedimento de coleta de impressões digitais. Eles mesmos ou seus representantes legais devem entregar uma foto 5×7 e a página de confirmação do formulário DS-160 no centro de atendimento.

Dica importante: é proibido entrar com bolsas e mochilas no CASV, e não há local para guardar os pertences dentro do centro. Caso esteja com algo do tipo será necessário deixá-los no carro ou pagar um preço alto para usar um guarda-volumes privado.

5- Entrevista

Sem dúvidas, a entrevista é a etapa que mais gera dúvidas e temor nos candidatos ao visto. As mesmas são realizadas no consulado e é indispensável a apresentação do passaporte válido, página de confirmação com o código de barras do formulário DS-160.

De acordo com decreto emitido pelo governo Trump em 27 de janeiro de 2017, todos os solicitantes de visto devem passar pela entrevista, exceto:

  • Pessoas com menos de 14 anos e mais de 79 anos;
  • Solicitantes de vistos diplomáticos e funcionários de governos estrangeiros e organizações internacionais (categorias de visto A-1, A-2, G-1, G-2, G-3, G-4, OTAN-1 a -6, C-2 e C-3);
  • Solicitantes que anteriormente tinham um visto na mesma categoria e que expirou menos de 12 meses antes do novo pedido.

Para se sair bem na entrevista a dica é permanecer calmo o tempo todo, falando sempre a verdade, em concordância com os dados fornecidos no formulário. Se não tiver nada errado e o que for falado na entrevista estiver em concordância com o que foi anteriormente informado, as chances de ter o visto negado são bem pequenas.

Outra dica preciosa é levar alguns documentos que comprovem vínculo com o Brasil e que o solicitante pretende deixar os Estados Unidos depois da visita. Não há uma lista oficial de documentos, mas é aconselhável levar:

  • Carteira de Trabalho;
  • Declaração de imposto de renda;
  • Holerite;
  • Certidão de casamento;
  • Extratos bancários;
  • Passaportes anteriores;
  • Documentos de veículos;
  • Escrituras;
  • Cartas de empregadores;
  • Instituições que estejam convidando para a viagem.

Se porventura esquecer de levar o formulário DS-160 e/ou o comprovante de agendamento da entrevista impressos, geralmente há comércios nos arredores do consulado que fazem esse serviço, entretanto, o preço costuma ser bastante salgado. Portanto, confira toda a documentação necessária antes de sair de casa.

6- Entrega

O solicitante receberá o visto em até dez dias úteis depois da entrevista. Para verificar o status da solicitação clique aqui.

A devolução dos passaportes é feita conforme a opção de entrega selecionada durante o processo de agendamento. É possível optar por retirar o documento no CASV ou recebê-lo em casa. A retirada no CASV pode ser feita pelo solicitante ou por terceiros. Veja mais informações aqui.

Mais informações sobre a solicitação de visto de não-imigrante estão disponíveis acessando esta página.

Você pode gostar também

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.