Descubra como ir para a Ilha dos Frades, paraíso baiano a ser descoberto!

Uma das ilhas da Baía de Todos os Santos, a região atrai turistas em busca da natureza selvagem, paisagens intocadas e muita história para contar.

- Tempo de leitura: 4 minutos -

Que a Bahia é linda, todo mundo sabe! Mas, o estado sempre guarda um segredinho que deixa o visitante boquiaberto, um paraíso a ser descoberto por quem ama natureza e belas praias! A bola da vez é a Ilha dos Frades, recanto de mar translúcido e calmo rodeado pela Mata Atlântica. 

E por que intocado? A Ilha dos Frades é o destino perfeito para o ecoturismo e, desde 1982, considerada uma reserva ecológica. Por isso, árvores nativas como o pau brasil, além dos coqueirais, lagos, cachoeiras e montanhas seguem preservados como um verdadeiro santuário ecológico. 

A rusticidade natural da ilha tem também a ajuda humana. A energia elétrica, por exemplo, só chegou por lá em 2003. Antes disso, moradores e turistas passavam à base de geradores e velas. E, por que Ilha dos Frades? Bem, a história do nome não é tão bonita quanto o local! Reza a lenda que a origem deu-se a partir do assassinato de dois frades por índios tupinambás que não aceitavam a catequização forçada. 

Se isso é verdade ou não, ainda permanece um mistério, o fato é que os moradores ainda sustentam tal versão. Além disso, a presença de religiosos em meados do século XVII pode ser comprovada pelas duas igrejas locais, a de Nossa Senhora do Loreto e Nossa Senhora de Guadalupe. Mais história? Basta procurar saber um pouco sobre o armazém onde os escravos ficavam de quarentena ao chegar, o lazaredo e a casa de farinha, todas construções em ruínas. 

O que fazer na Ilha dos Frades?

A Ilha em formato de estrela com 15 pontas tem praias desertas, mar calmo, corais e recifes. As mais famosas são a Ponta de Nossa Senhora (bem frequentada, com barracas e passeios de escuna, além do Morro de Nossa Senhora de Guadalupe), Loreto (com piscinas naturais e a igreja de Nossa Senhora do Loreto), Paramana (vilarejo movimentado aos finais de semana, casas de pescadores e veranistas) e Viração (sem infraestrutura e a preferida dos nudistas).

Praia da Ponta de Nossa Senhora, na Ilha dos Frades/BA
Praia da Ponta de Nossa Senhora, na Ilha dos Frades/BA

Como ir para a Ilha dos Frades?

Mapa: Onde fica a Ilha dos Frades
Mapa: Onde fica a Ilha dos Frades

O turista pode optar entre duas formas para chegar à Ilha dos Frades. A primeira delas é partir de Salvador para Madre de Deus pela BR-324, sentido Feira de Santana. O motorista dirige por 32km até o entroncamento com a BA-522 rumo à Candeias. Depois, mais 20km até Madre de Deus. Lá, segue até a ilha ao contratar os barcos que levam a diversos pontos. Vale lembrar que a estrada está em boas condições de tráfego. 

Uma observação importante é que, chegando a Madre de Deus, o turista estaciona o carro em via pública, mas precisa desembolsar cerca de R$ 20,00 pelo estacionamento. As saídas dos barquinhos acontecem de hora em hora e, normalmente, param em Paramana, no centro da ilha. A tarifa raramente passa dos R$ 5,00 e, caso o desejo for apenas passar o dia, importante atentar-se ao último barco que deixa a ilha às 17h

Se não tiver carro, basta pegar o metrô em Salvador e descer na Estação Pirajá, onde é possível comprar passagens para Madre de Deus pela Empresa Lis. O percurso dura cerca de 50 minutos em horários que podem ser conferidosaqui. Chegando ao terminal de Madre de Deus, o turista desce e compra a passagem da travessia até Paramana a cerca de R$ 5,00. O trajeto final demora cerca de dez minutos

Outra opção é contratar, por cerca de R$ 50,00, passeios de escuna partindo do Centro Náutico da Bahia. Aproveite para curtir a vista de outras ilhas pelo caminho. Vale lembrar que a Ilha faz parte do município de Salvador, por isso, o trajeto de barco ou escuna vai depender de seu ponto de partida! Agora, se o objetivo for conhecer mais ilhas, uma alternativa é contratar o passeio que une as ilhas do Frade e Itaparica.

Geralmente, o barco sai do Terminal Marítimo de Salvador às 09h e chega à Ponta de Nossa Senhora de Guadalupe em 1h30. A desvantagem é ficar apenas 1h30 por lá porque, depois, o passeio segue para a Ilha de Itaparica. O retorno se dá às 16h, após o almoço.  

Observações importantes

  • A embarcação de R$ 5 desce direto na Praia de Paramana, mas também dá para desembarcar na Praia do Loreto. Porém, será necessário ir caminhando até a Praia do Paramana. Até porque o retorno das embarcações só acontece aí. 
  • A distância entre a Praia do Loreto e a Ponta de Nossa Senhora de Guadalupe é de 8 km. Na ida, é possível ir a pé pela costa, porém a volta não será possível pois, a maré já terá subido.
Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.