10 templos chineses incríveis para você conhecer – Veja a lista!

As construções milenares são o exemplo perfeito da influência religiosa na arquitetura chinesa

- Tempo de leitura: 9 minutos -

A China possui uma das culturas mais antigas do planeta e o imenso império é pontilhado de templos. Ao visitar algum dos 10 templos chineses mais incríveis, temos a impressão de adentrar em um lugar onde o tempo não tem significado. De retiros tibetanos a antigos locais imperiais, são templos únicos e diferentes de tudo encontrado em qualquer lugar. 

Com um ou vários templos em quase todas as cidades, classificá-los parece uma façanha quase impossível. Afinal, uma história que se estende por milhares de anos tem, nestas construções, as melhores testemunhas deste passado. Principalmente, as diversas influências religiosas e arquitetônicas do país. 

O budismo, por exemplo, acredita que não há  fim para o passado ou futuro. Por isso, suas construções possuem detalhes cuidadosos. Os jardins chineses, por sua vez, guardam uma história de séculos, enquanto outros paraísos sagrados e pacíficos exibem traços budistas, confucionistas e taoístas.

10 tempos chineses incríveis

Templo do Céu

Templos Incríveis da China: Templo do Céu
Templo do Céu

O mais famoso da China, o Templo do Céu é, na verdade, um altar. Por isso, não há monges, adoradores ou incenso por aqui, mas uma arquitetura deslumbrante no coração de Pequim. O jardim murado tem entradas por todos os quatro pontos cardeais, enquanto o jardim interno foi organizado em seções retas para eliminar imperfeições naturais. 

Os corredores do templo se erguem majestosamente acima dos jardins. Os edifícios são redondos, enquanto suas fundações são quadradas para refletir a antiga crença de que o céu é redondo e a terra é quadrada. Construído no início do século XV pelo imperador Yongle, já foi o destino de uma peregrinação anual do imperador.

Na época, ele orava e oferecia sacrifícios aos deuses para garantir uma boa colheita. O complexo de edifícios cobre quase 300 hectares e muitas de suas estruturas sofreram grandes danos na Guerra do Ópio, no final do século XIX. Porém, foram restauradas à sua antiga glória.

Templo Da Ci’en

Templos Incríveis da China: Templo Da Ci’en
Templo Da Ci’en

Do Exército de Terracota às muralhas centenárias, a cidade de Xi’an está repleta de maravilhas antigas, uma delas, o Templo Da Ci’en não é exceção. Lar do icônico Pagode do Grande Ganso Selvagem, construção com sete andares, o templo é um santuário budista cuja história tem mais de um milênio.

A construção teve início em 652d.c, sob a administração do lendário monge budista e estudioso Xuanzang, cuja peregrinação à Índia foi imortalizada no romance “Journey to the West”. Durante seu mandato como chefe do templo, Xuanzang fundou a escola de pensamento budista Yogacara do Leste Asiático.

Por isso, o Templo Da Ci’en continua sagrado para os budistas. O significado religioso deste templo, combinado com seu pagode majestoso, torna-o um dos locais mais famosos de Xi’an. Quanto ao Pagode do Grande Ganso, são sete andares que vêm sendo renovados ao longo dos séculos. 

Um dos objetivos iniciais da construção era abrigar sutras, estátuas e figurinos de Buda trazidos de volta da Índia. 

Templo de Hengshan Hanging

Templos Incríveis da China: Templo de Hengshan Hanging
Templo de Hengshan Hanging (Charlie fong, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons)

Construído em um penhasco a 75 metros de altura, o Templo de Hengshan Hanging é um conjunto de casas de oração budistas lindamente ornamentadas e sustentadas por estacas cravadas na encosta. Pontes estreitas e pequenos corredores conectam as casas de culto, todas temporariamente suspensas para visitação. 

A suspensão resultou do boom de visitantes que comprometeu a segurança das fundações dos edifícios. O Templo de Hengshan Hanging foi construído em 491 e o fato de ter resistido por tanto tempo o torna uma maravilha arquitetônica. A posição do Templo de Hengshan Hanging não é a única coisa notável sobre este templo. 

Este é também o único no planeta onde as três religiões mais proeminentes da China são praticadas, combinando o budismo, o taoísmo e o confucionismo. Essa combinação de fatores torna o Templo de Hengshan Hanging um dos locais religiosos e históricos mais interessantes da China.

Jokhang

Templos Incríveis da China: Templo Jokhang
Templo Jokhang

O Templo Jokhang, no centro do Tibete, atrai budistas que se dirigem ao local para adoração aos pés da estátua do Buda Dourado. Com mais de 1.300 anos, trata-se da mais venerada de todas as imagens de Buda no mundo. O templo é mantido pela Escola Gelug, mas as diferentes seitas budistas são tranquilamente aceitas. 

O telhado dourado do templo de dois andares abriga um interior ricamente decorado em marrom e dourado. O melhor horário de visitação é pela manhã, quando o templo está acessível e rodeado por peregrinos comendo manteiga de iaque. À tarde, parte dele é fechada e só é visível através de grades.

Templos Incríveis da China: Buda Dourado do Templo Jokhang
Buda Dourado do Templo Jokhang

Adoradores de todo o Tibete se reúnem no templo, e sendo o lar de dezenas de monges, é o lugar perfeito para obter um sentido verdadeiramente autêntico da prática do budismo tibetano. Além de seu significado religioso, o Templo de Jokhang possui uma história fascinante que remonta ao ano 652, ano em que foi construído para abrigar estátuas budistas trazidas como dotes pelas duas noivas do então rei. 

Combinação do design tradicional tibetano, nepalês e indiano, o templo também é um local de grande interesse arquitetônico, o que o torna uma atração de visita obrigatória para qualquer viajante ao Tibete.

Templo Shaolin

Templos Incríveis da China: Templo Shaolin
Templo Shaolin

O Templo Shaolin é o principal templo de adoração da Escola de Budismo Shaolin. Infelizmente, ambos têm sido alvos frequentes de ataques ao longo dos séculos, o último em 1928, quando a escola foi incendiada. Os salões sobreviventes foram reformados para as hordas de viajantes que enchem seus corredores diariamente. 

Ademais, Shaolin é bastante procurada pelos praticantes de artes marciais, como o kung fu. Os primeiros monges residentes do Templo Shaolin, desde o século VI, eram respeitados artistas marciais e soldados, e o kung fu continua a ser praticado aqui. O Templo Shaolin também abriga a Floresta de Pagode, certificada pela UNESCO.

Templos Incríveis da China: Floresta de Pagode no Templo Shaolin
Floresta de Pagode no Templo Shaolin

Trata-se de uma coleção com mais de 200 pagodes de pedra e tijolo que servem como tumbas. Esses numerosos pagodes, alguns dos quais com mais de mil anos, são uma visão deslumbrante e tornam o Templo Shaolin um local ainda mais fascinante.

Templo Lama

Templos Incríveis da China: Templo Lama 
Templo Lama

Também em Pequim, o Templo Lama serviu de residência para o imperador Yong Zheng, para depois ser convertido em mosteiro no ano de 1744. A construção é talvez o templo budista tibetano mais famoso fora do Tibete. Entre os destaques, estão afrescos, um Buda de 18 metros, esculturas tântricas, arcos, carpintaria artesanal e telhados ornamentados. 

O templo é dividido em cinco grandes salões que nos permite imaginar a vida em seu esplendor.

Grutas de Longmen

Templos Incríveis da China: Grutas de Longmen
Grutas de Longmen

Patrimônio cultural tombado pela UNESCO, as Grutas de Longmen são um impressionante conjunto de 2.300 cavernas esculpidas em penhascos. As cavernas se estendem por quase um quilômetro na província de Henan e abrigam alguns dos melhores exemplos mundiais da arte chinesa das Dinastias Wei e Tang do Norte (316-907). 

LEIA MAIS: O que são os Patrimônios Mundiais da UNESCO? E como são escolhidos?

Uma série de escadas levam às cavernas mais altas no lado do penhasco para ver todas as 110.000 estátuas, 60 estupas e 2.800 inscrições. As estátuas e Budas são esculpidas diretamente na pedra calcária que compõe a encosta. Cada caverna é um relevo ornamentado no qual dá para entrar fisicamente. 

Templos Incríveis da China:Esculturas nas Grutas de Longmen
Esculturas nas Grutas de Longmen

Templo do Cavalo Branco

Templos Incríveis da China: Templo do Cavalo Branco
Templo do Cavalo Branco

Segundo a tradição, o Templo do Cavalo Branco foi o primeiro templo budista construído na China. Construído em 68 DC, fica fora das muralhas da antiga capital Han oriental. O prédio principal foi reformado muitas vezes, principalmente nas dinastias Ming e Qing, na década de 1950 e, mais recentemente, em 1973, após a Revolução Cultural. 

O templo facilita a visita dos turistas ocidentais porque todas as placas estão em mandarim e inglês. Os numerosos salões se abrem para jardins bem cuidados e galerias, guardando belas estátuas, como os dois leões míticos na entrada, o Buda de Jade e os famosos Budas Śākyamuni e Maitreya.

Templo Nanshan

Templos Incríveis da China: Templo Nanshan
Templo Nanshan

O Templo de Nanshan é o maior local sagrado budista construído no país desde a fundação da República Popular da China. No seu topo, há uma estátua branca cintilante do Buda Guan Yin com mais de 100 metros que parece abençoar o Mar do Sul de Sanya. Aliás, toda a construção, datada de 1988, foi projetada tendo a estátua como foco. 

A obra, a propósito, comemorava os 2 mil anos de influência do budismo sobre a China. A praça de entrada principal, cercada por torres brancas ornamentadas, estende-se até a estátua pela ampla passarela. Um belo lago ladeia a passarela e, do outro lado, um bosque canaliza a atenção novamente para a impressionante estátua. 

Templos Incríveis da China: Estátua do Templo Nanshan
Estátua do Templo Nanshan

O templo leva o nome de um ditado popular budista: boa sorte vale tanto quanto o Mar do Leste; a longevidade é alta como Nanshan”. A construção ganha charme ainda maior com o cenário subtropical celestial de Hainan, destino turístico popular desde sua construção. 

Templo Lingyin

Templos Incríveis da China: Templo Lingyin
Templo Lingyin

Antiga capital da Dinastia Song do Sul, de 1127 a 1279, a cidade de Hangzhou é o lar de uma série de estruturas historicamente importantes. As colinas que cercam Hangzhou e seu famoso Lago Oeste estão repletas de templos e o mais conhecido deles é o Templo Lingyin, o Templo do Retiro da Alma.

Fundado no século IV, o Templo Lingyin é agora um dos maiores e mais bem-sucedidos templos budistas de toda a China. Além de sua arquitetura impressionante, a atração principal são as grutas de Feilai Feng, uma rede de cavernas verdejantes que abrigam esculturas budistas belamente preservadas em rocha que datam de mais de mil anos.

Templos Incríveis da China: Esculturas nas grutas de Feilai Feng 
Esculturas nas grutas de Feilai Feng

Embora o país tenha muito mais templos, resumi-los em uma lista com os 10 templos chineses mais incríveis dá uma dimensão da grandiosidade destas construções. Requintados e coloridos, são a ilustração perfeita da longa história do país e das diversas influências religiosas.

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Assumimos que você está de acordo, mas você pode não aceitar caso prefira. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->