Quanto ganha um motoboy em Londres?

Tudo sobre salário, jornadas de trabalho e documentos necessários para trabalhar como motoboy em Londres.

- Tempo de leitura: 2 minutos -

Não é de hoje que os motoboys brasileiros fazem sucesso em Londres. Há muitos anos, os couriers (como são chamados lá) oriundos do Brasil, conquistaram espaço no mercado de trabalho inglês.

Existem vários motivos que podem ter contribuído para que isso acontecesse. Entre eles, podemos citar a agilidade e eficiência dos profissionais. Enquanto vivem no Brasil, boa parte deles estão acostumados com trânsitos caóticos, como o da cidade de São Paulo.

Ao se mudarem para a Europa, encontram no trânsito organizado e, relativamente tranquilo, da Inglaterra, o cenário perfeito para desenvolver essa habilidade. Assim sendo, conseguem avançar com velocidade, mesmo em situações mais difíceis, ganhando tempo na entrega.

Outra questão a salientar é que durante boa parte do ano faz muito frio e o clima é chuvoso, o que pode trazer alguns inconvenientes para quem anda de moto. Mesmo com as condições climáticos adversas, os brasileiros seguem trabalhando duro.

Geralmente, em Londres, os motoboys trabalham prestando serviços de entregas para empresas. Apesar disso, são considerados profissionais autônomos, ponto positivo para quem não está com a documentação em dia para trabalhar no país.

Contudo, o profissional que opta por trabalhar com a própria moto precisa, obrigatoriamente, apresentar habilitação e a documentação da mesma, que também pode incluir documentos do seguro.

Para economizar em combustível, a maioria dos motoboys pilotam motos de baixa cilindrada. Entretanto, não é incomum encontrar um ou outro em motos com mais de 600cc.

Roupas de proteção completa e smartphones (para uso do GPS e recebimento das ordens de serviço) completam o kit de trabalho. Mas, afinal de contas, quanto ganha um motoboy em Londres?

Quanto ganha um motoboy em Londres

Esclarecidos detalhes sobre o exercício da profissão na ‘Terra da Rainha’, vamos ao nosso foco principal, que é o salário de um motoboy em Londres.

Embora os ganhos sejam altos, se comparados aos vencimentos no Brasil, as jornadas de trabalho são proporcionalmente desgastantes. Muitos couriers chegam a trabalhar até 15 horas por dia.

As jornadas intensas se justificam pela forma como o salário é pago, por hora. De acordo com matéria publicada pelo site Rockriders, um motoboy ganha, em média, £10 por hora.

Levando em consideração jornadas de 50 horas semanais, ao final do mês o profissional terá um salário médio de £2.000. Convertendo em reais, o valor mensal pode ultrapassar R$ 10 mil.

A ressalva que muitos desses trabalhadores fazem é que, apesar de os ganhos serem vantajosos, o custo de vida em Londres, sobretudo como moradia, é muito alto. Ainda assim, de acordo com os couriers, vale a pena encarar o desafio.

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Se você continuar a usar este site, assumiremos que você está de acordo com isso. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->