Qual o salário de um açougueiro em Portugal?

Quanto ganha e quais as oportunidades para um açougueiro no país

- Tempo de leitura: 2 minutos -

Portugal é um dos países que mais recebe imigrantes brasileiros na Europa, especialmente pela proximidade da língua. Na hora de conseguir trabalho, as oportunidades também são muitas, principalmente em indústrias e alimentação. Neste cenário, vejamos qual o salário de um açougueiro em Portugal

O açougueiro, ou carniceiro, como se diz no país, enquadra-se na categoria dos profissionais que lidam com a preparação de carnes. Nela, estão, além de carniceiros, preparadores de alimentos, peixeiros, entre outros. Por isso, quando procuramos o salário do açougueiro em Portugal, a remuneração média é próxima para estas profissões. 

Na rotina, o açougueiro prepara a carne para a venda, cortando, limpando, desossando e cuidando de sua conservação. Para executar seu trabalho, não é necessário formação específica, mas o mínimo de conhecimento sobre carnes. Aliás, isso também pode contar na hora de calcular o salário do açougueiro em Portugal. 

Salário mínimo em Portugal

O salário mínimo em Portugal em 2021 é de 665 €, aprovado em dezembro de 2020. Porém, pode-se ganhar até 14 salários por ano, fazendo a média subir para 741 €. Ainda que o país seja o 11º em termos de valor do salário mínimo, é interessante considerar o valor de compra da remuneração. 

Por exemplo, comparando com o Brasil, compra-se 250 quilos de arroz com o salário mínimo (ou até menos). Enquanto isso, em Portugal, com um salário mínimo, uma pessoa consegue comprar até 671 quilos de arroz. O mesmo raciocínio vale para outros gêneros alimentícios, mostrando que dá para comprar mais com o salário que se ganha lá. 

Quanto ganha o açougueiro em Portugal

O salário médio de um açougueiro em Portugal é de 789 €, superior ao salário mínimo no país, que é de 665 €. Porém, quanto maior a experiência, habilidades e local de trabalho, melhor a recuperação. Deste modo, o montante mensal pode alcançar 1113 € por mês para o cargo. 

As cidades que mais empregam o profissional são Lisboa, Porto, Vila Nova de Gaia, Braga, Coimbra e Amadora. Além do salário, o trabalhador costuma ter direito a planos de pensão. Quanto ao horário de trabalho, pode ser tanto de segunda a sexta-feira quanto incluir finais de semana. 

Como já mencionado, não é exigida formação específica para ser açougueiro em Portugal. Porém, é importante conhecer os tipos de carne, a região ideal para corte, entre outros temas relacionados. Afinal, o profissional lidará com o público e precisará passar informações, além de orientar quanto às melhores peças. 

Pensa em mudar de país e quer saber o salário médio das profissões? Além de saber o salário do açougueiro em Portugal, confira também quanto um pintor no país.

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Assumimos que você está de acordo, mas você pode não aceitar caso prefira. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->