Preço da passagem de ônibus coletivo pode aumentar 50% em 2022 – Entenda o motivo

Alerta foi feito pela Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU). Preço pode ser reajustado em janeiro de 2022.

- Tempo de leitura: 1 minuto -

A Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU) fez um alerta preocupante. De acordo com o órgão, as empresas de transporte coletivo de todo o país devem repassar grandes reajustes para a população. 

A NTU disse em nota que as empresas tiveram prejuízo de R$ 21,37 bilhões desde março de 2020. As empresas alegam que a redução no número de passageiros, leis que impediram reajustes e a obrigação de manter toda a frota circulando causaram aumento do prejuízo.

Outro dado divulgado pela NTU informa que 52 empresas suspenderam os serviços ou estão sob intervenção de municípios, governos e recuperação judicial. 

O aumento de 50% nas passagens de ônibus pode ocorrer em janeiro de 2022 pois é nesse período que é estudado os reajustes das empresas. Além disso, no início de todos os anos é feito o reajuste da data-base de motoristas e cobradores.

De acordo com os dados da NTU, 48,8% das despesas são relativas aos salários de motoristas e cobradores. Devido a inflação, que já acumula 10,25% nos últimos 12 meses, haverá ainda o impacto do reajuste da remuneração.

Até o mês de setembro houve 87.497 demissões no setor de transporte coletivo. Além disso, foram realizados 333 greves, protestos ou manifestações. 

Outro fator que a NTU indica para o grande aumento da passagem é o preço do diesel. Os custos com combustíveis representa 26,6% dos custos. Lembrando que o diesel teve aumento de 65% no preço.

Você pode acessar a nota completa da NTU no site da organização.

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Assumimos que você está de acordo, mas você pode não aceitar caso prefira. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->