História, Mistérios e Curiosidades de Teotihuacan, no México

Patrimônio Mundial da Unesco, as pirâmides do Sol e da Lua impressionam e mostram a engenhosidade do povo asteca.

- Tempo de leitura: 4 minutos -

O México, sem dúvida, é um dos destinos mais incríveis para visitar em razão da história e cultura de suas civilizações. Aliás, é justamente os costumes que mais impressionam e despertam o imaginário quanto às formas de vida e organização. Um exemplo disso são a história, os mistérios e as curiosidades de Teotihuacan, a cidade dos deuses. O sítio arqueológico guarda segredos que, milênios depois, ainda não foram revelados.  

Localizada a 45 quilômetros da Cidade do México, a cidade atingiu seu apogeu entre os séculos III e V, quando abrigou mais de 100 mil pessoas. Dona de diversidade étnica, Teotihuacan reunia povos diferentes que conseguiram exercer influência sobre outras civilizações mesoamericanas. A cidade foi construída pelos Teotihuacanes, antecessores dos Maias e Astecas, e segue com a energia e vibração de milênios atrás. 

História de Teotihuacan

Teotihuacan exala história e cultura desde sua fundação antes mesmo da era cristã. Foi fundada aproximadamente em 100 a.C. pelos Teotihuacanes, povo sobre o qual se sabe muito pouco. 

Zacatecas, mixtecas, maias e astecas devem ter passado pela cidade, cujo primeiro povoado data de 600 a.C. Seus moradores confeccionavam utensílios e casas com pedra obsidiana e argila, abundantes na região. 

Acredita-se que o declínio da cidade tenha acontecido por volta de 550 d.C e ainda não se sabe o motivo. O fato é que tudo estava abandonado quando os astecas chegaram ao local. Ainda que não tenha encontrado mais ninguém, os astecas consideravam o local sagrado e, pelas proporções, acreditavam que havia sido construído por gigantes. Tanto que boa parte dos estudos sobre Teotihuacan foram empreendidos por eles. 

Antes apenas visitada durante o dia, hoje Teotihuacan atrai pessoas à noite, graças ao show de luzes que projeta como as pirâmides eram quando foram construídas. A cidade foi nomeada um dos Patrimônios da UNESCO desde 1987. O local abrange uma área total de 83 km2, com altitude entre 2.240 m e 3.200 m no pico de Cerro Gordo.     

Atrações de Teotihuacan

A cidade reúne inúmeras atrações, como a Calzada de los Muertos (estende-se por todo o sítio e leva a uma das grandes pirâmides), principal avenida de Teotihuacan. O nome foi dado pelos astecas que, erroneamente, acharam que as edificações ao longo dos 2km de extensão eram túmulos reais. Logo em frente, está La Ciudadela, complexo espaço com 15 bases piramidais construídas simetricamente. 

Atrações de Teotihuacan (México): Calzada de los Muertos
Calzada de los Muertos (Erick1984, CC BY 3.0, via Wikimedia Commons)

A leste, várias ruínas são encontradas, possivelmente residências de sacerdotes e governantes. Próximo, está o Palácio de Quetzalpapálotl, um dos mais bonitos palácios do complexo. A terceira maior pirâmide do complexo tem paredes adornadas por representações de Quetzalcoatl, uma divindade serpente, e Tlaloc, o Deus da chuva. 

Atrações de Teotihuacan (México): Palácio de Quetzalpapálotl
Palácio Quetzalpapálotl (Armineaghayan, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons)

Outra atração é o Palácio dos Jaguares. Nele, os ambientes são decorados com murais em que aparecem jaguares de plumas tocando instrumentos de conchas

Atrações de Teotihuacan (México): Palácio dos Jaguares
Arte encontrada no Palácio dos Jaguares (Wolfgang Sauber, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons)

No passeio, é impossível não imaginar quantas histórias se passaram por ali. Ainda é possível entrar nas ruínas de casas dos antigos moradores e ver pinturas e esculturas originais restauradas. Mas, inegavelmente, as duas maiores estrelas do sítio arqueológico são as Pirâmides do Sol e da Lua. 

De acordo com a lenda, a Pirâmide da Lua suga a energia das pessoas, enquanto a outra revigora. Crenças à parte, o que impressiona mesmo é a precisão das construções, considerando que, na época, recursos, tecnologia e estudos matemáticos eram mais que limitados. 

Atrações de Teotihuacan (México): Pirâmide da Lua
Pirâmide da Lua (Greg Schechter from San Francisco, USA, CC BY 2.0, via Wikimedia Commons)

A Pirâmide do Sol tem 225m de lado e 65m de altura, sendo então a terceira maior do mundo. São cinco plataformas e muitos degraus até o topo onde havia um templo de madeira usado para sacrifícios e oferendas aos deuses. 

Atrações de Teotihuacan (México): Pirâmide do Sol
Pirâmide do Sol (Gzzz, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons)

No auge de Teotihuacan, a pirâmide era pintada de vermelho para ganhar destaque. Ainda hoje, dá para ver resquícios da pintura em algumas partes da construção. A Pirâmide da Lua, por sua vez, tem 45m de altura e fica em terreno pouco mais elevado que a outra. Na sua base, começa o percurso da Calçada da Morte. Em 1998, vestígios humanos e oferendas foram encontrados na pirâmide. 

Outras atrações do sítio arqueológico são:

  • Palácio de Tepantitla
  • Paláciode los Caracoles Emplumados
  • Plaza de la Luna (13 pirâmides, incluindo a Pirâmide da Lua, e um altar onde eram realizadas cerimônias religiosas)

Localizada a apenas 48 km da Cidade do México, Teotihuacan atrai milhares de turistas do mundo inteiro. Com o sol inclemente durante todo o dia, recomenda-se usar chapéu e filtro solar, bem como óculos escuros no passeio. 

Então, o que achou da  história, mistérios e curiosidades de Teotihuacan? Se quiser saber mais sobre outros importantes destinos do mundo, confira mais de nossas postagens!

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.