15 vulcões ativos pelo mundo – você tem coragem de visitar?

Apesar do perigo, turistas seguem visitando os vulcões ativos em nome das belas vistas e fotos inacreditáveis.

- Tempo de leitura: 8 minutos -

Barulho ensurdecedor, labaredas jogadas a quilômetros de distância e devastação sem precedentes. Apesar dos predicados assustadores prestados aos vulcões ainda ativos no mundo, o fascínio por estes verdadeiros monstros persiste. Mesmo que exista tanta instabilidade nesses locais, sem dúvida um possível show de fogo ou a simples escalada pelo vulcão atrai quem busca adrenalina. 

Quantos vulcões ativos existem no mundo

A estimativa é de que haja cerca de 1.500 vulcões ativos na Terra, sendo que 500 deles já entraram em erupção na história recente. E onde estão estes vulcões? Boa parte fica ao longo da Orla do Pacífico, por consequência, uma região conhecida como “Anel de Fogo“. Além disso, há também os cinturões contínuos de vulcões no fundo do oceano, como a Dorsal Mesoatlântica. 

De fato, existem países recordistas! Nos Estados Unidos, por exemplo, há 169 vulcões potencialmente ativos, como os situados na Cordilheira das Cascatas e Alasca. Sem falar nos vulcões do Havaí, formados sobre um “ponto quente” próximo ao centro do Anel. Na Costa Rica, há mais de cem vulcões espalhados pelo território, cinco ainda ativos, inclusive o largamente visitado Arenal.  E aí, topa visitar um dos 15 vulcões ativos no mundo?

15 vulcões ativos no mundo

1 Eyjafjallajokull, Islândia

Eyjafjallajokull, Islândia
O vulcão Eyjafjallajokull em erupção no ano de 2010

O impronunciável vulcão Eyjafjallajokull, na Islândia, colocou o país em todos os noticiários internacionais ao entrar em erupção no ano de 2010. O estrago foi grande, de tal forma que as cinzas foram lançadas a milhares de quilômetros, causando cancelamento de voos provenientes de vários países. Só para ilustrar a dimensão do fenômeno, o vulcão tem, nada menos que 1652 metros de altura. 

Mas, como toda chuva que cai acaba, a situação se acalmou e a região se tornou um destino popular. A dica é alugar um carro e, para quem gosta de atividades ao ar livre, fazer a trilha Fimmvörouháls de dois dias, começando na capital, Reykjavík.

Você pode ver um vídeo incrível da erupção de 2010 do vulcão Eyjafjallajokul abaixo:

2 Mount Merapi, Indonésia

Mount Merapi, Indonésia
Mount Merapi, na Indonésia

O Mount Merapi, na Indonésia, só entra em erupção no intervalo de cinco a dez anos. Que bom, pois quando isso acontece, o acontecimento é gigantesco! Por outro lado, apesar do potencial destrutivo, a lava e cinzas do vulcão tornaram o solo da vizinha e povoada cidade de Yogyakarta bem fértil. Ainda, o Merapi, com seus mais de 2.900 metros de altura, teve grande importância na história dos reis e sultões indonésios. 

Confira um vídeo mostrando uma erupção no Mount Merapi:

3 Erta Ale, Etiópia

Erta Ale, Etiópia
Lava na cavidade do vulcão Erta Ale

Embora não seja tão alto e imponente quanto outros da lista, o Erta Ale, na Etiópia, é um dos únicos vulcões do mundo a ter um lago de lava quase consistente. Localizado na Depressão Danakil, é considerado um dos lugares mais quentes do mundo. Bom, voltando ao quesito altura, 612 metros não devem  ser subestimados.

4 Monte Stromboli, Itália

Monte Stromboli, Itália
Monte Stromboli (Steven W. Dengler, CC BY-SA 3.0 <http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/>, via Wikimedia Commons)

A Itália já é conhecida pelo Vesúvio, responsável pela mitológica destruição de Pompéia. Mas, o Monte Stromboli não deixa nada a desejar quando se fala em vulcões famosos e ativos do mundo. 

Majestosamente situado em uma das ilhas Eólias, o vulcão é acessível apenas por barco. Infelizmente, ganhou uma menção nada honrosa em 2019, quando entrou em erupção e matou um de seus corajosos escaladores. Tem 923m de altura.  

Vídeo de erupção vulcânica do Monte Stromboli:

5 Kilauea, Hawaii

Kilauea, Hawaii
Vulcão Kilauea em erupção

Como falar em vulcões sem mencionar o famoso Kilauea, no Hawaii? O vulcão mais ativo do mundo faz jus à tradição vulcânica da ilha. Na fronteira com outro vulcão, o Mauna Loa, além do deserto de Kau, o Rancho Ainahou e uma selva de samambaias, o Kilauea impressiona com seus 1.221 metros de altura. De lá, é possível visitar  também o Thurston Lava Tube, bem como a exuberante selva ao redor.

6 Pacaya, Guatemala

Pacaya, Guatemala
Vulcão Pacaya, Guatemala

Já pensou dormir com a vista de um vulcão gigantesco? Essa experiência é possível na Cidade da Guatemala, graças ao enorme Pacaya. Porém, se você não dispensa voos de helicóptero, pode assar marshmallows no intenso calor emitido pelo vulcão de quase 2.700m de altura. 

7 Monte Etna, Itália

Monte Etna, Itália
Monte Etna

Lá vem a Itália novamente, desta vez, com o Monte Etna, gigante com 10.810m de altura. O lugar não apenas é conhecido como um dos mais pitorescos da Sicília, como também o vulcão mais ativo da Europa. Da mesma forma, teve uma das mais longas erupções dos últimos 2.000 anos. Se bem que as cinzas emitidas pelo Etna são responsáveis por um solo fértil que produz um vinho excelente. Será que compensa? 

8 Sakurajima, Japão

Sakurajima, Japão
Vulcão Sakurajima

Imagine um vulcão entrando em erupção quase todos os dias! É isso que acontece com o Sakurajima, a poucos quilômetros da cidade de Kagoshima. Assim como em regiões próximas a outros vulcões, sua lava deu origem a produtos curiosos. Por exemplo, a menor laranja com casca do mundo, em contraste ao maior rabanete. Portanto, o Sakurajima atrai visitantes ávidos por uma simples caminhada. 

Também dá para visitar o observatório, local que permite visualizar as emissões diárias com maior segurança. O Sakurajima tem 1.117 metros de altura. 

Vídeo de erupção do Sakurajima:

9 Monte Yasur, Vanuatu 

Monte Yasur, Vanuatu 
Monte Yasur (Rolf Cosar, CC BY-SA 3.0 <http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/>, via Wikimedia Commons)

Vanuatu ainda é uma ilha pouco conhecida, mas seus moradores estão entre as pessoas mais felizes do mundo. Será mais uma das curiosas consequências das lavas emitidas por um vulcão? 

Bom, o fato é que a ilha abriga o Monte Yasur, ali bem perto de Fiji, no Pacífico Sul. O vulcão ficou famoso quando foi observado pelo Capitão Cook, em 1774. Índices de felicidade à parte, o vulcão é a prova viva de que tamanho não é documento. 

Com “meros” 360 metros de altura, o Monte Yasur exige alerta constante dos visitantes, visto que o vulcão pode entrar em erupção a qualquer momento. 

10 Vulcão de Colima, México

Vulcão de Colima, México
Vulcão de Colima (Jrobertiko, CC BY-SA 3.0 <https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0>, via Wikimedia Commons)

O Volcan de Colima é considerado um dos vulcões mais perigosos para se visitar. Com imensos 3.849 metros de altura, teve atividade intensa na década de 90, mas nada comparado à destrutiva explosão de 1913. A dimensão foi capaz de explodir parte da cratera do vulcão próximo à Ciudad Guzmán.

Vídeo de erupção do vulcão de Colima:

11 Vesúvio, Itália

Vesúvio, Itália
Monte Vesúvio, na Itália

Mencionamos o lendário Vesúvio lá em cima. Provavelmente o vulcão mais famoso do mundo, é considerado adormecido, mas isso não significa que seja seguro. Visitá-lo não traz tanto a possibilidade de ver emissões ativas, contudo, desperta o imaginário acerca de seu passado, principalmente a destruição de Pompéia em 79 d.C. A propósito, tudo aconteceu justamente em uma fase de dormência do Vesúvio, que possui 1281 m de altura.

12 White Island, Nova Zelândia

White Island, Nova Zelândia
White Island

A White Island ganhou os noticiários recentes por entrar em erupção e, assim, infelizmente matar cinco pessoas. Apesar de desabitada, é uma atração turística popular e, mais ainda, região de grande importância para o folclore maori. A ilha é acessível por barco e uma caminhada leva ao vulcão com 320m de altura.

13 Mount Cleveland, Alaska

Mount Cleveland, Alaska
Mount Cleveland

Lembra que começamos este texto mencionando os vulcões do Alaska? Pois bem, embora a terra gelada não seja tradicionalmente lembrada quando se fala neles, o Mount Cleveland está lá para provar o contrário. Com 1.729m de altura, teve atividade intensa nos últimos 20 anos, sendo a erupção mais recentemente em 2016. 

14 Santa María, Guatemala

Santa María, Guatemala
Vulcão Santa María

O vulcão Santa María, na Guatemala, foi palco de uma das maiores erupções do século XX. De fato, a tragédia ocorrida em 1902 foi a primeira erupção documentada deste vulcão e matou cerca de 6.000 pessoas. Na sua base, há um grupo de quatro cúpulas de lava, uma das coleções mais ativas do mundo. O vulcão tem 3.771 metros de altura. 

15 Galeras, Colômbia

Galeras, Colômbia
Galeras, Colômbia

O Galeras é um dos vulcões mais ativos da Colômbia. Em janeiro de 1993, a montanha explodiu, matando três turistas e seis cientistas que estavam em uma expedição científica ao cume. Ironicamente, o grupo avaliava o perigo do vulcão para a população ao redor.

Então, conhece algum dos vulcões ativos do mundo? Tem coragem de visitar algum deles?  

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.