Os 5 melhores SPAS de fontes termais na Islândia

Saiba onde estão as principais fontes termais da Islândia, o que as torna especiais e se entrar nelas o ano todo.

- Tempo de leitura: 7 minutos -

A Islândia é a terra do gelo, fogo e água, muita água! A mistura de três dos quatro elementos naturais se dá pela localização do país no chamado “ponto quente” da Terra. Isso resulta em muita atividade geotérmica e geleiras espalhadas por toda a ilha. O conjunto de fatores faz com que existam inúmeras cachoeiras, lagos e fontes termais pelo país. Conheça, agora, quais são os 5 melhores SPAS de fontes termais na Islândia.   

Basicamente, toda a água quente na Islândia é geotérmica, ou seja, vem literalmente fervendo do solo para as casas das pessoas. No dia a dia, a condição pode não ser das mais favoráveis, uma vez que é sempre necessário resfriar a água para aproveitá-la. Por outro lado, tanta água quente é a razão das dezenas de piscinas espalhadas por todo o país. Para se ter uma ideia, são 17 apenas na área da capital, Reykjavík! 

Na verdade, o termo “fonte termal”’ é um tanto problemático pela falta de consenso sobre o que pode ser, de fato, considerado uma fonte termal na Islândia. Algumas podem ser descritas como piscinas quentes, banheiras de hidromassagem, spas, lagos geotérmicos, piscinas ou até mesmo gêiseres. No entanto, o banho nas águas quentes é popular na ilha, gerando os melhores SPAS de fontes termais da Islândia que você vai conhecer agora.  

Sobre as águas termais na Islândia

Banhar-se nas águas quentes da Islândia é hábito corriqueiro para quem mora ou visita o país. O contato frequente com tanta água quente provoca, nos moradores, estratégias para aproveitá-las. Os islandeses costumam construir piscinas em suas casas e, como a temperatura, na maior  parte das vezes, é alta demais para o banho, misturam água fria para chegar ao ponto ideal. 

No território, em si, algumas das fontes termais são fumarolas ferventes, poços de lama borbulhantes ou gêiseres jorrando. Outras, porém, são piscinas calmas com a temperatura perfeita para um banho relaxante. Na Islândia, as fontes termais podem ser encontradas em todos os tamanhos e formas, totalmente naturais ou com algum tipo de intervenção humana para fins comerciais.

Muitos destes pontos acabaram transformados em SPAS de fontes termais e, por consequência, pontos turísticos. Algumas delas está em locais de difícil acesso com uma simples caminhada, mas outras podem ser facilmente alcançadas de carro. Independente de como chegar, todas essas piscinas proporcionarão águas mornas e calmantes, perfeitas para relaxar.

Os 5 melhores SPAS de fontes termais na Islândia

É importante destacar que algumas destas fontes termais naturais são gratuitas, mas sem qualquer tipo de instalações, como vestiários, chuveiros ou banheiros. Aquelas que cobram entrada oferecem em troca ótimas instalações. Não à toa, acabaram se tornando as fontes termais mais populares da Islândia. O número de visitantes e as amenidades disponíveis as levam à classificação de spas, embora sejam, de fato, apenas fontes termais.

Conheça agora os 5 pontos de banho popularizados como SPA e as características que os torna únicos. 

1 The Blue Lagoon

The Blue Lagoon
O grandioso Blue Lagoon

The Blue Lagoon é, de longe, a fonte termal mais conhecida e popular da Islândia, nomeada uma das “25 Maravilhas do Mundo” pela National Geographic. A lagoa está localizada na península de Reykjanes, a apenas 20 minutos de carro do Aeroporto Internacional de Keflavík e a 30 minutos de carro de Reykjavík. As águas em azul-claro têm a temperatura perfeita, entre 38 e 39°C e ricas em minerais, como sílica, e algas. 

Porém, a lagoa não se formou naturalmente, mas apareceu por acidente em 1976, como resultado de uma construção. A primeira pessoa a entrar para um banho lagoa o fez somente em 1981 e, desde então, suas qualidades calmantes e curativas só aumentaram em popularidade. Hoje, a Blue Lagoon é mundialmente famosa e, de longe, o resort spa mais impressionante da Islândia.

A estrutura dispõe de restaurantes, cafés, bar aquático, hotel, loja de presentes, bem como instalações privadas, área de relaxamento e massagens. A lagoa está sempre se expandindo em tamanho e a entrada é limitada. Por isso, é necessário reservar sua entrada com bastante antecedência.

Site oficial: https://www.bluelagoon.com/

2 Myvatn Nature Baths

Myvatn Nature Baths
A Myvatn Nature Baths é uma concorrente mais barata que a Blue Lagoon, porém é mais distante da capital

A Myvatn Nature Baths fica no situada no norte da Islândia e é a concorrente mais barata da Blue Lagoon. A fonte tem a mesma cor azulada e de aspecto leitoso que se encontra no outro SPA e os atrativos são tão interessantes quanto. No local, o visitante encontra sauna, café, além de estrutura com chuveiros e vestiários. Sem falar na deslumbrante natureza circundante, de forma que a viagem ao Lago Mývatn é válida em qualquer época do ano.

Mas, como nem tudo é perfeito, a única coisa que impede algumas pessoas de ir até lá é a distância de Reykjavík. A viagem dura cerca de 6 horas, possível apenas para quem planeja estadias mais longas que incluam uma visita ao norte da Islândia.

Site oficial: https://myvatnnaturebaths.is/

3 Secret Lagoon

Secret Lagoon
Secret Lagoon

A Secret Lagoon, próxima à aldeia Flúðir, é uma das piscinas mais antigas da Islândia, datada de 1891. O lugar permaneceu abandonado durante anos, mas foi reformado e reaberto em 2014, com chuveiros e vestiários novos. Está localizada na região do Círculo Dourado, famoso circuito turístico islandês, e uma parada na lagoa é praticamente obrigatória para quem passa por lá.

A piscina da Secret Lagoon tem temperatura confortável de 38 a 40°C e uma grande banheira de hidromassagem. Além de um local fantástico para um banho relaxante, a paisagem ao redor da lagoa, por si só, já vale a visita. Bem próximo dali, ficam fontes termais borbulhantes, fumarolas fumegantes e um pequeno gêiser que irrompe a cada poucos minutos.

Site oficial: https://secretlagoon.is/

4 GeoSea Sea Baths

GeoSea Sea Baths
GeoSea Sea Baths

A GeoSea Sea Baths é uma das mais novas atrações do norte da Islândia, localizada na cidade de Húsavík. O diferencial deste SPA é a água do mar aquecida geotermicamente, e não de nascente. E o que isso significa? A água é cheia de sais minerais com propriedades terapêuticas diferentes das encontradas em outras piscinas e banheiras de hidromassagem ao redor do país.

A água da Geosea Sea Baths é bombeada e, portanto, há fluxo constante nas piscinas, dispensando a adição de produtos químicos para higienização. A estrutura do SPA dispõe de um pequeno restaurante no local com terraço, permitindo que você desfrute da paisagem marítima. Mas, o próprio resort tem vistas incríveis da bela Baía Skjálfandi, com seu oceano cintilante e as belas montanhas que o cercam.

Ah, vale lembrar que Húsavík é considerada a capital europeia para observação de baleias. Quem sabe não dê a sorte de avistar os mamíferos gigantes durante o banho?

Site oficial: https://www.geosea.is/

5 Laugarvatn Fontana Geothermal Baths

Laugarvatn Fontana Geothermal Baths
Fontana Geothermal Baths

A Fontana Geothermal Baths está localizada ao lado do Lago Laugarvatn, a cerca de noventa minutos de carro de Reykjavík. A área de Laugarvatn, em si, fica em uma zona termal e as pessoas da vila homônima usam a água quente do solo para aquecer as casas, cozinhar e tomar banho desde 1929. Inclusive, uma das saunas da Fontana Geothermal Baths é a mesma usada por moradores do passado, embora tenha sido reformada. 

O SPA foi construído sobre uma fonte termal fumegante. Mas, fumegante mesmo e a tal ponto que, caso fique muito quente na sauna, os hóspedes precisam abrir a porta para esfriar a temperatura. Por isso, hóspedes mais aventureiros caminham até o lago mesmo no inverno, já que a água é quente o suficiente para aquecer. 

A atividade geotérmica do lago é tamanha que, em alguns lugares, dá para cozinhar o tradicional pão de centeio na areia. Você pode saborear sua massa recém aquecida no café localizado na entrada do Fontana Spa. Ah, e assim como a Secret Lagoon, o SPA também fica próximo ao Círculo Dourado, ou seja, mais uma deliciosa parada durante sua viagem pela famosa trilha. 

Site oficial: https://www.fontana.is/en


Como se pode ver, a Islândia é um país rico em fontes termais e cada SPA é único! E então, acha que valem uma visita? 

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.