Novo golpe do INSS pelo WhatsApp: Conheça agora para não cair!

O órgão fez uma alerta para que os segurados não caiam no golpe do WhatsApp. Veja todos os detalhes neste artigo!

- Tempo de leitura: 2 minutos -

O golpe do INSS pelo WhatsApp vem acontecendo cada vez mais e, por isso, o órgão fez um alerta para que os segurados não caiam nessa fraude. Portanto, se o contribuinte receber esse tipo de contato, o recomendado é que bloqueie o número imediatamente.

De acordo com o Instituto Nacional do Seguro Social, o golpe acontece quando os criminosos fingem que são funcionários da “Central de Atendimento” e entram em contato com as vítimas pelo WhatsApp.

Sendo assim, para gerar ainda mais credibilidade para o contato, eles costumam colocar a imagem da assistente virtual do INSS, Helô, como foto de perfil. Assim, eles tentam obter todos os dados pessoais dos beneficiários para praticar o crime.

Além disso, os golpistas também costumam possuir algumas informações dos contribuintes e disponibilizam número de protocolo, como uma forma de ganhar a confiança das vítimas. Então, se você receber esse tipo de contato, bloqueie o mais rápido possível!

LEIA MAIS:

Afinal de contas, a Helô é uma assistente virtual e nunca chama os segurados para conversar no WhatsApp. Uma vez que, ela se trata de um chatbot presente na plataforma do Meu INSS.

O que fazer se tiver caído no golpe do INSS pelo WhatsApp?

Caso você já tenha caído no golpe do INSS pelo WhatsApp, o indicado é registrar um Boletim de Ocorrência e comunicar aos órgãos envolvidos pelo benefício, como é o caso do próprio INSS e do banco em que você recebe o pagamento.

Como fazer para evitar esse golpe?

Os infratores costumam ser muito persuasivos na tentativa do golpe. O que torna a pessoa mais vulnerável para cair e, assim, informar todos os seus dados pessoais. Com isso, existem algumas formas para não cair na fraude e proteger os seus bens, tais como:

  • Nunca envie fotos de seus documentos, pois o INSS não entra em contato direto com os beneficiários para solicitar dados;
  • Quando o órgão solicita documentos, o pedido fica registrado no Meu INSS e, também, pode ser verificado pelo telefone 135;
  • Utilize apenas canais oficiais para entrar em contato com o instituto, como é o caso do site ou aplicativo Meu INSS;
  • Apenas informe os seus documentos através do aplicativo ou pelo número 135.

Gostou deste artigo? Confira vários outros semelhantes aqui no Rotas de Viagem!

Você pode gostar também

Comentários estão fechados.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Se você continuar a usar este site, assumiremos que você está de acordo com isso. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->