15 doces típicos da Croácia que você precisa provar

O belo país europeu tem influências de vizinhos europeus e asiáticos, misturando sabores e texturas para resultados incríveis.

A Croácia é, sem dúvida, um país peculiar. Parques nacionais e belezas naturais imperdíveis, grande riqueza cultural e praias belíssimas, muitas delas bem badaladas. Cada região tem sua própria história e tradições. Tão diversa quanto as paisagens, a culinária croata é fruto de grandes transformações culturais. E, como não poderia deixar de ser, a diversidade está presente nos deliciosos doces típicos, que você precisa provar!

As sobremesas croatas são perigosamente deliciosas e trazem a mistura de todos os tipos de influências gastronômicas. São perceptíveis os sabores italianos, franceses, austríacos e até turcos. Por isso, a confeitaria da Croácia tem exemplares que variam de bolos ricos e cremosos a tortas amanteigadas quebradiças. Tem também strudels finos de wafer e cookies que derretem na boca.

Portanto, desfrutar dos doces croatas é estar no centro do mundo das sobremesas! Os nomes podem até parecer complicados – muitos até quase impronunciáveis, quase trava línguas. Mas, não há dificuldade alguma em saborear nenhum deles! Então, pronto para conhecer os 15 doces típicos da Croácia impossíveis de esquecer?

15 Doces típicos croatas

1 Rigó Jancsi

Rigó Jancsi
Rigó Jancsi

A Rigó Jancsi foi inventada na virada do século 20 e seu nome vem de um famoso violinista cigano que seduziu e se casou com Clara Ward. A moça era, nada menos, que a filha de um milionário americano chamado Eber Brock Ward e esposa do príncipe belga de Caraman-Chimay. 

A sobremesa consiste em duas camadas de torta de chocolate com textura esponjosa recheadas por um creme de cacau semelhante a uma mousse. Delicioso, esse recheio às vezes é aromatizado com rum escuro, enquanto é feita de ganache de chocolate amargo.

2 Zagrebacka kremsnita

Zagrebacka kremsnita
Zagrebacka kremsnita

Zagrebačka kremšnita é uma especialidade de Zagreb inventada no início dos anos 1980 por Stjepan Vincek, dono do Slastičarna Vincek. O sucesso foi tamanho que o estabelecimento vende mais de 300.000 dessas guloseimas anualmente. O bolo consiste em uma fina camada de massa folhada coberta com creme de creme de baunilha, uma camada de chantilly e cobertura de chocolate.

3 Paprenjaci

Paprenjaci
Paprenjaci

Paprenjaci são biscoitos tradicionais croatas feitos com mel e pimenta preta. Embora sejam associados à época do Natal e inverno, podem ser preparados durante todo o ano. Os primeiros biscoitos eram simples, de formato quadrado, com várias decorações na parte superior, como símbolos religiosos ou pagãos. Mas, hoje possuem formatos variados. Os mais populares são os biscoitos com pimenta, da cidade de Zagreb, e os da ilha de Hvar, onde são feitos com uma combinação de especiarias, excluindo a pimenta.

4 Rozata

Rozata
Rozata

Rozata é um tipo de pudim feito com ovos, leite e açúcar, aromatizado com um licor de rosa local conhecido como Rozalin. A sobremesa é originária da cidade de Dubrovnik, onde é preparada desde a Idade Média, mas o que manteve a receita inalterada por séculos foi justamente a simplicidade dos ingredientes e o modo de preparo. A rozata é uma sobremesa bastante apreciada no verão, devido à refrescante combinação de raspas de limão, licor de rosas e caramelo.

5 Medimurska gibanica

Medimurska gibanica
Medimurska gibanica

Međimurska gibanica é um tipo de massa criada na região de Međimurje. Altamente calórica, mas de alto valor nutritivo, pode ser servida tanto como sobremesa quanto  consumido sozinho. São várias camadas de massa folhada recheadas com queijo fresco, maçãs raladas, nozes moídas e sementes de papoula moídas, além de passas, canela, rum e açúcar. A massa é assada no forno, sendo então cortada em quadrados e servida quente ou fria.

6 Makovnjaca (Makowiec)

Makovnjaca (Makowiec)
Makovnjaca

Makowiec é um bolo tradicional no qual a pasta de semente de papoula é colocada entre camadas de massa. Para realçar o sabor, dá para acrescentar passas, amêndoas, mel e casca de laranja à massa do bolo. Antes de ser servido, o makowiec é polvilhado com açúcar de confeiteiro. Acompanhado de chá ou café, é normalmente preparado para o Natal ou férias de inverno. O doce é encontrado em toda a Europa Central, Áustria, Croácia, República Tcheca, Alemanha, Hungria, Eslováquia, Eslovênia, Romênia e Sérvia.

7 Samoborska kremšnita

Samoborska kremšnita
Samoborska kremšnita

Samoborska kremšnita é uma sobremesa popular originária da cidade de Samobor. Acredita-se ter sido inventada pelo chef Đuro Lukačić que, após trabalhar em Viena e Budapeste, chegou à Samobor e modificou algumas de suas receitas. Assim, acabou criando a Samoborska kremšnita, doce que segue um sucesso até os dias atuais.

A sobremesa é composta por duas camadas de massa folhada recheadas com creme de creme. Por cima, uma fina camada de chantilly. Pode ser consumido quente ou frio. 

8 Madarica

Madarica
Madarica

Mađarica é um bolo tradicional de origens ainda não comprovadas. Acredita-se, entretanto, ser uma sobremesa croata original baseada nos bolos húngaros. Geralmente associado a ocasiões festivas, o bolo tem camadas revestidas por um creme aveludado com infusão de chocolate, e é finalizado com cobertura de chocolate amargo.

9 Fritule

Fritule
Fritule

Fritule é um tipo de bolinho redondo preparado com massa básica levedada que incorpora ovos, farinha, leite, manteiga e açúcar. Algumas variedades costumam incluir passas, maçãs raladas, iogurte e fermento em pó à receita. Mas, o ingrediente secreto na preparação do bolinho é o conhaque.

10 Orehnjaca

Orehnjaca
Orehnjaca

De todas as sobremesas tradicionais croatas, o Orehnjaca, um tipo de rocambole de noz, é o maior símbolo da cordialidade e vida familiar. A sobremesa festiva sempre presente nos menus de Natal e Páscoa recebe vários nomes – orehnjača, potica ou povitica. O interessante é que cada família tem sua própria preferência, algumas preparando a receita com nozes, outras com sementes de papoula. 

11 Breskvice

Breskvice
Breskvice

O breskvice sempre rouba os holofotes nas festas de final de ano. Os cookies de pêssego são amanteigados e recheados com chocolate, com uma massa tão macia que derrete na boca. Mas, o preparo dos biscoitos exige tempo e paciência. Ainda assim, cada minuto abrindo buraquinhos na massa delicada vale a pena: no final, os biscoitinhos ficam repletos de camadas de amor e sabor. Tanto que podem ser até dados como presente!

12 Princes krafn

Princes krafn
Princes krafne

Krafna, em croata, significa donut, então uma tradução literal para dar nome a este bolo seria “donut de princesa”. Possivelmente, ao ver uma massa crescer sem fermento algum, pode ter creditado o feito a algum tipo de poder real. A sobremesa é feita com uma massa açucarada recheada com cremes, sorvetes e caldas.  

13 Pinca

Pinca
Pinca

A pinca é um tipo de pão perfumado sempre presente à mesa nas manhãs de Páscoa. Sua massa é enriquecida com ovos e pincelada com gemas para dar o acabamento amarronzado. O pão é assado no Sábado que segue a Sexta-feira Santa, dia reservado para o jejum e abstenção do trabalho. Quando pronto, é colocado em uma cesta e levado à Igreja para uma bênção. Finalmente, é servido com presunto no café da manhã de Páscoa.

14 Splitska torta

Splitska torta
Splitska torta

Splitska torta é uma fusão de todos os aromas e texturas possíveis na região da Dalmácia. O doce é feito com camadas de merengue de nozes e um creme de manteiga da gema de ovo. Com a adição de figos secos, amêndoas e passas como ingredientes essenciais, esta receita tradicional reflete a essência do Mediterrâneo.

15 Ledeni vjetar

Ledeni vjetar
Ledeni vjetar

Leve e refrescante como uma brisa, a Ledeni vjetar é a rainha das festas de aniversário em toda a Croácia. A torta é feita com ovos, leite, baunilha, frutas e vinagre de maçã.

Gostou dos 17 doces típicos da Croácia? Que tal tentar preparar uma dessas deliciosas receitas em casa?  

Você pode gostar também

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.