95 mil pessoas podem ter benefício do INSS suspenso até sexta (19) – Confira lista dos convocados!

Beneficiários foram convocados por meio de edital disponível no Diário Oficial da União.

- Tempo de leitura: 1 minuto -

Os segurados do INSS que recebem auxílio-doença devem ficar atentos. Aqueles que estão recebendo o benefício de incapacidade temporária, novo termo usado para o auxílio-doença precisam realizar uma nova perícia médica. Caso o procedimento não seja feito, o benefício pode ser suspenso de forma definitiva.

De acordo com informações da Agência Brasil, cerca de 95 mil beneficiários foram convocados por meio de um edital para realizar o procedimento junto ao INSS. O prazo final será na próxima sexta-feira (19). 

Durante a perícia médica, o médico credenciado do INSS vai verificar as condições do beneficiário. Se ele for considerado incapaz de trabalhar, continuará recebendo o benefício. Caso ele ateste que o beneficiário já tem condições de trabalhar, o benefício será suspenso.

Todo o processo de agendamento pode ser realizado online. O órgão disponibiliza o aplicativo Meu INSS, o site e a central telefônica para realizar o procedimento. Lembrando que o telefone do INSS é o 135. 

A partir do dia 19 de novembro, os segurados que não marcaram a perícia só poderão reativar o benefício quando realizarem o procedimento. “Caso não ocorra a manifestação do cidadão, o auxílio será cessado definitivamente”, disse o INSS em nota.

Para saber se você foi convocado, basta acessar a lista oficial do INSS com todos os nomes. Ela está disponível no Diário Oficial da União (DOU)

O instituto informou que fez esse chamamento por meio de edital por esses beneficiários terem suas cartas de convocação devolvidas pelos Correios. Isso significa que os endereços dessas pessoas está desatualizado no sistema do INSS.

Você pode gostar também
Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este website utiliza cookies para tornar sua experiência ainda melhor! Se você continuar a usar este site, assumiremos que você está de acordo com isso. Aceitar Ler Mais

!-- Global site tag (gtag.js) - Google Analytics -->